• Condomínio Parque Avenida

Principais Motivos Para Investir em Salas Comerciais

O Índice FipeZap aponta que quem investe em imóvel para ter uma renda de aluguel tem um retorno médio de 5,34% para imóveis comerciais e de 4,64% para residenciais. Esse olhar sobre o mercado imobiliário demonstra a potência das salas comerciais.

A rentabilidade pode ser usada como complemento de renda ou até mesmo como um negócio principal, dependendo da estratégia do investidor. Além disso, é comum que imóveis comerciais sejam alugados por um longo período de tempo, o que garante maior estabilidade.


Diante deste cenário, separamos abaixo os principais motivos para investir em salas comerciais. Continue a leitura! ;)


Valor Possível

Alguns investimentos exigem uma grande quantidade de dinheiro. Começar um negócio pode ser arriscado, assim como apostar em ações. As salas comerciais, por outro lado, têm um custo benefício excelente e não comprometem a sua saúde financeira.

Existem financiamentos que possibilitam a compra e a possibilidade de alugar é um grande atrativo. Por isso, este tipo de imóvel comercial é uma ótima opção para quem deseja empreender sem grandes riscos.


Garantia Potencial

A possibilidade de aluguel é uma garantia potencial de renda mensal. E é preciso destacar que as locações de salas comerciais podem render 0,5% acima da média de seu valor de aluguel.

Claro que isso está atrelado a outros fatores, como boa localização, infraestrutura, segurança e comodidades que o condomínio oferece. Por isso, pesquise bem o mercado antes de investir em uma unidade.

O Condomínio Parque Avenida é um complexo multiuso em Belo Horizonte com um ecossistema completamente voltado aos negócios. Saiba mais!


Taxa de Rotatividade

As salas comerciais são uma boa opção para quem está começando ou já investe em imóveis. A necessidade de renovação é facilitada pelas oportunidades que este tipo de imóvel oferece.

Tendo um ponto comercial estabelecido, é mais fácil vender o imóvel quando desejar. E isso inclui também uma valorização do investimento inicial.


E aí, gostou desse artigo? Então, compartilhe em suas redes sociais! ;)